Fique atento!

O Ortoptista é o profissional de saúde, registrado no Conselho Brasileiro de Ortóptica-  CBOrt e por este representado junto às entidades nacionais da oftalmologia como Conselho Brasileiro de Oftalmologia – CBO e Sociedade Brasileira de Oftalmologia – SBO  e entidades internacionais como International Orthoptic Association – IOA.

A atividade profiissional do Ortoptista está descrita na Classificação Brasileira de Ocupações (CBO)  do Ministério do Trabalho sob o número 2239-10, na família TERAPEUTAS OCUPACIONAIS E ORTOPTISTAS, não existindo outra categoria com as mesmas funções,

fonte: http://ww.mtecbo.gov.br/cbosite/pages/pesquisas/BuscaPorTituloA-Z.jsf

No Anexo I da Portaria 288/SAS,  que dispõe  da Política Nacional de Atenção em Oftalmologia, o Ortoptista  é reconhecido pelo Ministério da Saúde como o único profissional que pode trabalhar de forma compartilhada com oftalmologistas na “avaliação e tratamento dos distúrbios da visão binocular”.

Ortoptista integra, opcionalmente as equipes de Unidades de Atenção Especializada em Oftalmologia ou Centros de Referência em Oftalmologia.  Conforme consta no item 3.4.1.f. deste mesmo Anexo sob o título Recursos Humanos.

fonte: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/sas/2008/prt0288_19_05_2008.html

Nós não temos como coibir direta e rapidamente as práticas irresponsáveis.

Esta responsabilidade rotineiramente dividimos com os médicos oftalmologistas, que em sua maioria não aceitam dividir os cuidados com a saúde ocular de seu paciente
com pessoas sem a formação adequada para executar o teste ortóptico e exercícios ortópticos.

Para que haja sempre o atendimento correto, ético e dentro de parâmetros técnico-científicos sugerimos que o Oftalmologista solicite   “Teste Ortóptico realizado por Ortoptista” e, se achar necessário, verifique a procedência do profissional que realiza o Teste Ortóptico.

Quaisquer dúvidas podem ser sanadas junto ao CBOrt, Conselho Brasileiro de Ortóptica, único órgão representativo da classe no país.